CompararComparando ...

O custo da redu√ß√£o das emiss√Ķes

Artigo
O custo da redu√ß√£o das emiss√Ķes

Segundo um estudo levado a cabo por analistas independentes da Evercore ISI, citado pelo Automotive News Europe, os custos a suportar pelos fabricantes de autom√≥veis, para cumprir com as normas de emiss√Ķes de CO2 estabelecidas para 2021, poder√£o ascender a 13 mil milh√Ķes de euros ‚Äď ou seja, mais mil milh√Ķes de euros do que o que foi necess√°rio despender para cumprir com a norma Euro 6, que entrou em vigor no in√≠cio deste ano. Sendo que 8,5 mil milh√Ķes de euros recair√£o sobre os construtores europeus, em virtude da sua maior depend√™ncia do mercado local.

Este aumento da ‚Äúfactura ecol√≥gica‚ÄĚ dever-se-√° ao facto de a maioria das solu√ß√Ķes que, de modo relativamente ‚Äúf√°cil‚ÄĚ, permitiram baixar as emiss√Ķes de CO2 estar j√° implementada ‚Äď como sejam a introdu√ß√£o dos sistemas start/stop, ou os novos motores, de menor capacidade e energeticamente mais eficientes. Pelo que, para cumprir com as novas regras, na perspectiva da ind√ļstria, sera necess√°rio adoptar tecnologias bem mais dispendiosas, caso dos materiais mais leves (como a fibra de carbono) e das motoriza√ß√Ķes, total ou parcialmente, el√©ctricas. Algo que, em m√©dia, poder√° aumentar em mil euros o custo de produ√ß√£o de cada autom√≥vel. Alega√ß√£o que algumas associa√ß√Ķes ambientalistas, como a Greenpeace, contestam, afirmando n√£o ser necess√°rio ir t√£o longe para cumprir os novos objectivos.

Recorde-se que a ind√ļstria autom√≥vel europeia j√° √©, de longe, a refer√™ncia mundial no que diz respeito √†s emiss√Ķes de CO2, em boa parte devido √†s constantes restri√ß√Ķes que lhe t√™m vindo a ser impostas pelas autoridades europeias. Globalmente, os construtores do Velho Continente conseguiram alcan√ßar uma m√©dia de emiss√Ķes de CO2 das suas gamas inferior a 130 g/km em 2013, isto √©, dois anos antes do previsto por lei (o valor actual √© de 128 g/km); mas, agora, ter√£o se enfrentar um corte adicional de 28% neste valor, por forma a alcan√ßar uma media igual ou inferior a 95 g/km em 2021.

Contudo, as preocupa√ß√Ķes do sector, neste particular, n√£o terminam aqui. No in√≠cio do pr√≥ximo ano, os respons√°veis da Comiss√£o Europeia reunir√£o para ponderar a adop√ß√£o de normas ainda mais restritivas para o per√≠odo¬†‚Äúp√≥s-2021‚ÄĚ, havendo j√° quem avance com a possibilidade de vir a ser adoptado um limite de emiss√Ķes de CO2 de 75 g/km para o final da pr√≥xima d√©cada.

Qual é a sua reação?
Excelente
0%
Adoro
0%
Gosto
0%
Razoavel
0%
N√£o gosto
0%
Sobre o autor
António de Sousa Pereira
Absolute Motors é um projecto de informação essencialmente dedicado à área dos motores, com particular foco nos sectores dos automóveis e das motos, mas sem prejuízo de cobrir qualquer outra área de interesse manifesto para os seus leitores.
Coment√°rios
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

5 × 4 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como s√£o processados os dados dos coment√°rios.