CompararComparando ...

Audi Q5 55 TFSI e quattro: novo híbrido plug-in no Outono

Artigo
Audi Q5 55 TFSI e quattro: novo híbrido plug-in no Outono

Está marcado para o próximo Outono o lançamento do Q5 55 TFSI e quattro, modelo que a Audi anuncia como o primeiro de uma nova geração de híbridos plug-in. O seu atributo mais marcante é, sem dúvida, o grupo motoproulsor, que combina um motor 2.0 TFSI a gasolina (com turbocompressor, injecção directa e um rendimento de 252 cv e 370 Nm) com um motor eléctrico de 143 cv e  350 Nm integrado na caixa automática S tronic de sete velocidades.

O rendimento combinado é de 367 cv e 500 Nm, o que permite ao novo SUV híbrido plug-in da marca dos quatro anéis cumprir os 0-100 km/h em 5,3 segundos e alcançar uma velocidade máxima de 293 km/h. O consumo médio anunciado, já segundo a norma WLTP, é de 2,1-2,4 l/100 km, para emissões de CO2 de 46-53 g/km, muito se devendo estes valores à bateria de iões de lítio com 14,1 kWh de capacidade, instalada sob o piso da mala, apta a permitir ao Q5 55 TFSI e quattro percorrer mais de 40 km no modo totalmente eléctrico, no qual a velocidade máxima está limitada a 135 km/h.

Ao Audi Q5 55 TFSI e quattro cumpre, igualmente, estrear o sistema de tracção integral quatro com tecnologia ultra em combinação com um motor eléctrico. Por via de diversos sensores, e da permanente monitorização da informação por estes recolhida, o sistema só activa a tracção traseira, em fracções de segundo, quando estritamente necessário, segundo uma estratégia definida em três níveis (proactivo, predictivo e reactivo).

Qual é a sua reação?
Excelente
0%
Adoro
0%
Gosto
0%
Razoavel
0%
Não gosto
0%
Sobre o autor
António de Sousa Pereira
Absolute Motors é um projecto de informação essencialmente dedicado à área dos motores, com particular foco nos sectores dos automóveis e das motos, mas sem prejuízo de cobrir qualquer outra área de interesse manifesto para os seus leitores.
Comentários
Deixe uma resposta

    Deixe uma resposta

    17 + 4 =

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.