CompararComparando ...

Nissan e NASA unem esforços para desenvolver condução autónoma

Artigo
Nissan e NASA unem esforços para desenvolver condução autónoma

A Nissan e a NASA (Agência Espacial Norte-Americana) anunciaram a formação de uma parceria de pesquisa e desenvolvimento, com a duração de cinco anos, com o intuito de avançarem no estabelecimento dos veículos autónomos.

Investigadores do departamento norte-americano da Nissan (do Centro de Pesquisa de Silicon Valley) e do Centro de Pesquisa de Ames da NASA em Moffett Field, na Califórnia, vão concentrar-se no desenvolvimento de sistemas autónomos de condução, soluções de interface homem-máquina, aplicações baseadas em rede e análise e verificação de software.

Para tal, vão recorrer a hardware e software altamente sofisticado já com provas dadas no meio automóvel e espacial, que agora unidos tratarão de abrir novas portas no âmbito da condução autónoma.

A curto-prazo, os responsáveis das duas entidades vão testar uma frota de veículos autónomos de emissões zero em Ames para demonstrar a validade do conceito no transporte de bens, materiais, carga variada e pessoas. Para a NASA, este teste é paralelo à forma como a agência espacial opera os seus veículos fora do planeta a partir do centro de controlo.

Do lado da Nissan, estabeleceu-se o ano de 2020 como limite para a introdução de veículos autónomos com capacidade para se deslocarem em qualquer situação, incluindo nas cidades mais complexas.

“O trabalho da NASA e da Nisan – com uma direccionado para o espaço e outra para a Terra – está ligado por desafios semelhantes. A parceria vai acelerar o desenvolvimento por parte da Nissan de tecnologia de condução autónoma segura e de confiança que vai progressivamente ser introduzida nos nossos produtos a partir de 2016 e até 2020. Esta parceria junta o melhor da NASA e da Nissan e valida o nosso investimento em Silicon Valley”, referiu Carlos Ghosn, presidente da Nissan Motor Company, que na ocasião estabeleceu o acordo com Pete Worden, director do Centro de Pesquisa da NASA em Ames.

O primeiro veículo oriundo desta parceria deverá começar os seus testes nas instalações da NASA no final deste ano.

Qual é a sua reação?
Excelente
0%
Adoro
0%
Gosto
0%
Razoavel
0%
Não gosto
0%
Sobre o autor
Pedro Junceiro
Comentários
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.