CompararComparando ...

Range Rover Velar actualizado ganha versão híbrida plug-in

Artigo
Range Rover Velar actualizado ganha versão híbrida plug-in

A Land Rover decidiu operar uma importante actualização no Range Rover Velar, mas sem que o seu modelo de médio porte tenha sofrido qualquer alteração estética, assim contrariando o que quase sempre acontece na indústria nestas situações. Uma prova de ousadia por parte da marca britânica, sem dúvida, mas também a confirmação da genialidade que presidiu à concepção do seu design, que se mantém tão original quanto actual.

Mas não significa isto que o revisto Velar, já disponível em Portugal a partir de €71 864, não tenha importantes novidades para apresentar. Desde logo, uma nova gama de motores, que até passa a incluir uma inédita versão híbrida plug-in. A que se junta uma significativa evolução no plano tecnológico, de que são exemplo o novo volante multifunções com botões “inteligentes” integrados; a nova alavanca de comando da caixa de velocidades táctil; a tecnologia de cancelamento activo do ruído da estrada; ou os novos sistemas de infoentretenimento Pivi e Pivi Pro (o mais dotado proposto de série a partir do nível de equipamento S), com painel de instrumentos digital de 12,3” e dois ecrãs sobrepostos de 10”, dotado de novos gráficos, mais claros, e de uma resposta mais rápida, sempre conectados, aptos a oferecer ligação Bluettoh para dois dispositivos em simultâneo e capaz de receber actualizações remotas sem necessidade de ligações físicas.

Só que o que realmente faz a diferença no renovado Velar é a oferta de motores, todos sobrealimentados, com injecção directa de gasolina e combinados com uma caixa automática de oito velocidades e com o sistema de tracção integral. Destaque principal para a versão Velar P400e, um híbrido plug-in em que se conjugam o motor a gasolina de 2,0 litros e 300 cv com um motor eléctrico de 143 cv, para um rendimento combinado de 404 cv e 640 Nm, o suficiente para permitir-lhe cumprir os 0-100 km/h em 5,4 segundos e alcançar uma velocidade máxima de 240 km/h.

Sob a bagageira está instalada uma bateria de iões de lítio com 17,1 kWh de capacidade, capaz de garantir uma autonomia de 53 km no modo totalmente eléctrico, e a qual pode recuperar 80% da respectiva carga em 30 minutos num posto de carregamento rápido, ou ser totalmente recarregada em 1h40m numa Wallbox ou posto de carregamento público a 7 kW, ou em 5h29m numa tomada de corrente doméstica a 10 A. Oferecendo ao utilizador os modos de condução EV, Hybrid e Save, o Velar P400e anuncia um consumo combinado de 2.2 l/100 km e emissões de CO2 de somete 49 g/km.

Seguem-se os novos motores a gasolina e Diesel com tecnologia mild hybrid, a cargo de um alternador/motor de arranque integrados e de uma bateria de iões de lítio a 48 Volt montada sob o piso da mala, com os novos seis cilindros da família Ingenium a fazerem a sua primeira aparição neste gama. O Velar P400 recorre ao mais potente motor a gasolina alguma vez instalado neste modelo que não numa versão SV, um seis cilindros em linha de 3,0 litros dotado de turbocompressor e compressor eléctrico, assim como de distribuição variável CCVL – capaz de disponibilizar 400 cv e 550 Nm, permite cumprir os 0-100 km/h em 5,5 segundos e alcançar uma velocidade máxima de 250 km/h.

Quanto ao Velar D300, monta sob o capot o seis cilindros em linha a gasóleo com dois turbocompressores, oferece 300 cv e 650 Nm, cumpre os 0-100 km/h em 6,5 segundos e alcança 230 km/h de velocidade máxima. Ao passo que o Velar D200 substitui as anteriores versões D180 e D240, recorrer ao quatro cilindros turbodiesel de nova geração, com 204 CV e 430 Nm, anunciando 8,2 segundos nos 0-100 km/h e 210 km/h de velocidade máxima. Por fim, o Velar P250 e o único a fazer uso de um motor desprovido de tecnologia mild hybrid, no caso o quatro cilindros a gasolina de 2,0 litros, com 250 cv e 365 Nm, prometendo cumprir os 0-100 km/h em 7,5 segundos e alcançar os 217 km/h de velocidade máxima.

Qual é a sua reação?
Excelente
0%
Adoro
0%
Gosto
0%
Razoavel
0%
Não gosto
0%
Sobre o autor
António de Sousa Pereira
Absolute Motors é um projecto de informação essencialmente dedicado à área dos motores, com particular foco nos sectores dos automóveis e das motos, mas sem prejuízo de cobrir qualquer outra área de interesse manifesto para os seus leitores.
Comentários
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

1 × 2 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.