CompararComparando ...

Audi Q8 Concept antecipa SUV a lançar em 2018

Artigo
Audi Q8 Concept antecipa SUV a lançar em 2018

O Q8 Concept é, assumidamente, a antevisão de um novo SUV a lançar pela Audi já em 2018, permitindo à marca dos quatro anéis contar, finalmente, com um rival à altura do BMW X6 e do novo Mercedes GLE Coupe. Por isso, a silhueta ao estilo coupé, dominada por formas marcantes, em que se destacam a linha de tejadilho descendente, as ópticas dianteiros por matriz de LED e a enorme grelha frontal, significativamente maior do que em qualquer actual modelo da marca dos quatro anéis.

Apesar disso, a Audi garante que o espaço interior será bastante generoso, mesmo para os dois ocupantes que o banco traseiro pode receber, e inclusive em altura. Atributo para que também contribuem decisivamente as imponentes dimensões exteriores: 5,02 metros de largura, 2,4 metros de altura e uma distância entre eixos de 3,0 metros. Já a bagageira conta com 630 litros de capacidade.

A par de um ambiente elegante e requintado, o habitáculo prima pelas soluções tecnológicas empregues. Sobre o túnel da consola central está colocada a alavanca de comando electrónico da caixa automática de dez velocidades, a maioria das informações é transmitada ao condutor e passageiros através de ecrãs tácteis, do painel de instrumentos totalmente digital (o Audi virtual cockpit, aqui com 12,3” e uma resolução de 1920×720 pixéis) e do head-up display com tecnologia de realidade aumentada.

A animar o Q8 Concept está uma motorização híbrida plug-in composta pelo motor 3.0 TFSI com 333 cv e 500 Nm, e por um motor eléctrico com 135 cv e 330 Nm integrado na caixa de velocidades, para um rendimento combinado de 550 cv e 700 Nm. Uma solução já em condições de passar à produção (espera-se seja utilizada pelo novo A8, a lançar ainda este ano, e pelos novos Porsche Cayenne e VW Touareg), e que permite a este protótipo anunciar 5,4 segundos nos 0-100 km/h e 250 km/h de velocidade máxima.

A bateria de iões de lítio, destinada a alimentar o motor eléctrico, está montada na traseira, conta com 104 células prismáticas e com uma capacidade de 17,9 kWh, grantindo uma autonomia totalmente eléctrica máxima de 60 quilómetros. Num posto de carregamento com 7,2 kW de potência, uma recarga completa demorará cerca de duas horas e meia.

Oriundos de modelos já em produção, o sistema quattro de tracção integral permanente e a suspensão com amortecimento pneumático adaptativo, capaz de adoptar dois níveis de altura ao solo, com 90 mm de diferença entre eles. As todas são de 23”, os discos cerâmicos possuem 508 mm de diâmetro.

Qual é a sua reação?
Excelente
0%
Adoro
0%
Gosto
0%
Razoavel
0%
Não gosto
0%
Sobre o autor
António de Sousa Pereira
Absolute Motors é um projecto de informação essencialmente dedicado à área dos motores, com particular foco nos sectores dos automóveis e das motos, mas sem prejuízo de cobrir qualquer outra área de interesse manifesto para os seus leitores.
Comentários
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

3 × 1 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.