CompararComparando ...

Hyundai i20 1.0 T-GDi 120 cv 5P GLS Style Plus

Artigo
Hyundai i20 1.0 T-GDi 120 cv 5P GLS Style Plus

Visão geral
Marca:

Hyundai

Modelo:

i20

Versão:

1.0 T-GDi 120 cv 5P GLS Style Plus

Ano lançamento:

2018

Segmento:

Utilitários

Nº Portas:

5

Tracção:

Dianteira

Motor:

1.0 Turbo

Pot. máx. (cv/rpm):

120/6000

Vel. máx. (km/h):

190

0-100 km/h (s):

10,2

Consumos (l/100 km):

4,6/5,2/6,1 (Extra-urbano/Combinado/Urbano – Euro6d-Temp)

CO2 (g/km):

118 (euro6d-Temp)

PVP (€):

19 950/20 340 (Unidade ensaiada)

Gostámos

Motor suave, Consumos interessantes, Habitabilidade generosa, Conforto de marcha, Agrado de condução, Relação preço/equipamento,

A rever

Caixa longa, Prestações melhoráveis, Pormenores de ergonomia

Nosso Rating
Rating Leitor
Para avaliar, registe-se ou inicie sessão
Qualidade geral
7.0
Interior
7.0
Segurança
8.0
Motor e prestações
8.0
Desempenho dinâmico
9.0
Conforto
8.0
Equipamento
9.0
Garantias
8.0
Preço
7.0
Se tem pressa...

O i20 1.0 T-GDi 120 cv 5P GLS Style Plus é a versão mais potente e dotada do utilitário da Hyundai. Capaz de proporcionar uma condução fácil e agradável, fica, contudo, aquém das expectativas numa utilização mais intensa, em boa parte devido ao escalonamento longo da caixa de velocidades

7.9
Nosso Rating
Rating Leitor
You have rated this

Numa época em que os motores Diesel parecem, cada vez mais, justa ou injustamente, desempenhar o papel de proscritos da indústria automóvel, especialmente nos segmentos mais baixos do mercado, assumem particular importância as unidades a gasolina mais evoluídas, capazes de, com cilindradas contidas, oferecerem interessantes patamares de rendimento e, com eles, um desempenho dinâmico convincente aos veículos em que são instalados. Domínio em que, entre os utilitários, a Hyundai terá, decididamente, uma palavra a dizer com a variante mais poderosa da sua proposta destinada a esta classe, na forma do i20 1.0 T-GDi 120 cv 5P GLS Style Plus aqui analisado.

No essencial, este i20 em pouco de distingue da sua variante equipada com a versão de 100 cv deste mesmo motor. As agradáveis linhas exteriores voltam a demonstrar que a marca sul coreana está, decididamente, na rota dos gostos europeus em matéria de design, exibindo uma aparência apelativa, sublinhada pelas bonitas jantes de 17”.

Com uma aparência exterior cada vez mais identificada com os gostos europeus, o Hyundai i20 destaca-se, nesta versão, pelas jantes em liha de 17" propostas de série

Com uma aparência exterior cada vez mais identificada com os gostos europeus, o Hyundai i20 destaca-se, nesta versão, pelas jantes em liha de 17″ propostas de série

O interior, esse, é tipicamente oriental: com uma decoração muito sóbria, quase austera, dominada pelo preto, recorre a materiais que estão longe de ser uma referência mesmo para este segmento, mas que são já melhores do que os utilizados em modelos da própria marca destinados a segmentos superiores – provando, também aqui, a evolução no sentido das preferências europeias. Por outro lado, e como é da praxe, a montagem rigorosa e a qualidade dos acabamentos garantem uma quase ausência de ruídos parasitas, deixando, ainda, antever um envelhecimento saudável.

Mais convincente, a habitabilidade, das mais generosas desta categoria, merecendo especial elogio o amplo espaço disponibilizado para as pernas dos passageiros traseiros. A capacidade da mala (que conta com duplo piso) também não merece críticas de maior, nem a muito correcta posição de condução, o mesmo já não sendo válido para a ergonomia: não fugindo à regra normalmente aplicada aos fabricantes orientais, existem detalhes a rever, por via da excessiva profusão de botões espalhados em torno do condutor, do extremo inferior esquerdo do tablier à zona envolvente à alavanca do travão mão.

No interior, convencem a generosa habitabilidade, o completo equipamento de série e a qualidade de construção

No interior, convencem a generosa habitabilidade, o completo equipamento de série e a qualidade de construção

Mas nada disto difere do conhecido das restantes versões do modelo, pelo que o que, efectivamente, distingue este i20 1.0 T-GDi de 120 cv é mesmo a sua dotação mecânica, Aqqui, o pequeno três cilindros turbo de 998 cc e injecção directa disponibiliza 120 cv de potência, e um binário máximo de 171,6 Nm, constante entre as 1500-4000 rpm, sendo combinado com uma caixa manual de seis velocidades (de cinco relações na versão de 100 cv) suave e precisa, mas não especialmente rápida e com um escalonamento algo longo das suas duas últimas relações, em especial a sexta.

Na prática, os primeiros elogios vão para o funcionamento suave e para o ruído contido da unida motriz, mesmo que, em ambas as vertentes, seja uma evidência que existem melhores exemplos no mercado. Já a boa disponibilidade a baixo e médio regime garante uma condução fácil e agradável, inclusive em percurso, e consumos muito razoáveis, sendo merecedor de nota o facto de estes dificilmente superarem os 9,0 l/100 km, mesmo quando se adoptam ritmos mais intensos, em que se procura tirar pleno partido de todas as capacidades da mecânica, o que não deixa de ser elogioso para um motor a gasolina com este nível de rendimento.

O pequeno motor de três cilindros e 998 cc, com injecção directa de gasolina e turboxonmpressor, capaz de disponiblizar 120 cv, é o principal elemento distintivo deste i20 1.0 T-GDi

O pequeno motor de três cilindros e 998 cc, com injecção directa de gasolina e turboxonmpressor, capaz de disponiblizar 120 cv, é o principal elemento distintivo deste i20 1.0 T-GDi

Menos brilhante, o desempenho quando se pretende adoptar uma condução mais exigente, para a qual o rendimento anunciado faz prever estar mais fadado este i20 1.0 T-GDi de 120 cv do que, realmente, está na realidade. Para manter uma toada mais desportiva, é forçoso que o motor funcione acima das 3000 rpm, o que exige recurso frequente à caixa, cujo escalonamento longo, pagando dividendos nos consumos, em nada ajuda neste capítulo, tornando as recuperações mais morosas do que o desejável, em particular nos percursos com maiores variações de velocidade.

O comportamento dinâmico pauta-se por um apreciável equilíbrio entre conforto e eficácia, tornando a condução muito agradável

O comportamento dinâmico pauta-se por um apreciável equilíbrio entre conforto e eficácia, tornando a condução muito agradável

Se assim for, até é possível praticar uma condução mais empenhada, mesmo que as prestações nunca sejam de molde a deslumbrar. Aliás, face à versão de 100 cv, este i20 de 120 cv apenas regista ganhos muito ligeiros nas acelerações e velocidade máxima, e um pouco mais substantivos nas reprises, mas sem que as diferenças sejam por demais substanciais.

Pelo contrário, o desempenho dinâmico situa-se em bom plano. O evoluído châssis garante um elevado nível de conforto na generalidade das circunstâncias, sem, para tal, ter que adoptar um amortecimento excessivamente macio, acabando por controlar devidamente os movimentos carroçaria.

O eixo dianteiro prima pela precisão e rapidez, o trem traseiro segue-o com fidelidade, tudo concorrendo para um comportamento muito interessante, marcado por reacções nunca inesperadas, e em que merecem, ainda, referência a direcção bem assistida e o sistema de travagem competente. Sendo que o desligar por completo do controlo de estabilidade tenderá, sob mãos experientes, a garantir um extra de agilidade em curva…

A par de todo este equilíbrio, o i20 1.0 T-GDi 120 cv 5P GLS Style Plus conta ainda com um preço liminarmente abaixo dos vinte mil euros. Verba que se justifica pelo generoso equipamento de série que lhe está associado, e em que merece destaque o completo sistema de infoentretenimento.

Airbag de duplo estágio para condutor e passageiro (desligável)
Airbags laterais dianteiros
Airbags de cortina
Controlo electrónico de estabilidade
Assistente aos arranques em subida
Assitente à manutenção na faixa de rodagem
Cintos dianteiros com pré-tensores e limitadores de esforço
Fixações Isofix
Cruise control+limitador de velocidade
Ar condicionado automático
Computador de bordo
Alarme
Banco traseiro rebatível 60/40
Volante em pele multifunções regulável em altura+profundidade
Pedaleira em alumínio
Rádio+6 altifalantes+ecrã táctil de 7"+tomadas 2xUSB/Aux
Mãos-livres Bluetooth
Vidros eléctricos dianteiros+traseiros
Vidros traseiros escurecidos
Retrovisores exteriores eléctricos+aquecidos+rebatíveis electricamente
Retrovisor interior electrocromático
Sensor de luz+chuva
Sensores de estacionamento dianteiros+traseiros
Câmara de estacionamento traseira
Luzes diurnas+farolins traseiros por LED
Faróis de nevoeiro
Jantes de liga leve de 17"
Roda suplente de emergência
Sistema de monitorização da pressão dos pneus

Pintura metalizada (€390)

Qual é a sua reação?
Excelente
0%
Adoro
0%
Gosto
0%
Razoavel
0%
Não gosto
0%
Sobre o autor
António de Sousa Pereira
Absolute Motors é um projecto de informação essencialmente dedicado à área dos motores, com particular foco nos sectores dos automóveis e das motos, mas sem prejuízo de cobrir qualquer outra área de interesse manifesto para os seus leitores.
Comentários
Deixe uma resposta

    Deixe uma resposta

    18 − 15 =

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.