CompararComparando ...

Novos eléctricos: BMW revela iX (desde €89 150) e i4 (desde €60 500)

Artigo
Novos eléctricos: BMW revela iX (desde €89 150) e i4 (desde €60 500)

A BMW deu a conhecer, de uma assentada, as suas duas mais recentes propostas destinadas ao mercado dos automóveis de propulsão exclusivamente eléctrica: os novos iX e i4. O SUV será lançado no mercado português já em Novembro próximo, com duas opções de motorização, ambas dotadas de tracção integral (a que se juntará, mais tarde, uma derivação de pendor mais desportivo, com a chancela da BMW M); o coupé de quatro portas tem chegada a Portugal marcada para Fevereiro do próximo ano, e também será proposto em dois níveis de potência, na versão de acesso com tracção traseira, na variante de topo  com tracção integral.

Segundo a casa de Munique, o iX inaugura uma nova abordagem ao seu tão caro conceito de Sports Activity Vehicle, através de um modelo concebido de raiz para a mobilidade eléctrica, senhor de um design inovador e um de interior que privilegia a espaço para passageiros e bagagem. Mas que também promete oferecer um conjunto de tecnologias de vanguarda, com vasto potencial de inovação em domínios como a condução autónoma, a conectividade e os serviços digitais, para uma experiência de mobilidade premium, sem paralelo no segmento.

Com 4953 mm de comprimento, 1967 mm de largura, 1695 mm de altura e 3000 mm entre eixos, o iX, também pela ausência de túnel central, estará em condições de acomodar os seus passageiros de forma desafogada, ao mesmo tempo que a capacidade da bagageira varia entre 500-1750 litros. No interior pontifica, desde logo, a mais recente geração do sistema iDrive, baseado na oitava evolução do sistema operativo da BMW e no ecrã curvo composto pelo painel de instrumento digital de 12,3” e pelo ecrã táctil de 14,9”, com assistente pessoal por voz. Ainda a ter em conta neste particular, os novos bancos com encostos de cabeça integrados, o volante hexagonal e a consola central com um desenho inspirado numa peça de mobiliário de alta qualidade.

Senhor de uma apurada aerodinâmica, que lhe permite anunciar um Cx de apenas 0,25, o iX assenta num conceito em que a estrutura, os princípios de design e a afinação das ligações ao solo se conjugam para proporcionar um conforto de marcha de referência em qualquer circunstância, combinado com um comportamento dinâmico eficaz e desportivo. O chassis é do tipo spaceframe em alumínio; o tejadilho, os painéis laterais e as secções dianteira e traseira da carroçaria recorrem a plástico reforçado com fibra de carbono – para incrementar a rigidez e conter o peso; as jantes são de 20” (em opção, estão disponíveis jantes de 21” e 22”); as suspensões são por triângulos sobrepostos na frente, e do tipo multilink de cinco braços atrás; e a direção conta com assistência Servotronic e desmultiplicação variável.

Este é, também, o primeiro BMW a conjugar a tracção integral eléctrica com um sistema de deslizamento limitado das rodas, integrado na gestão do grupo motopropulsor, e proposto de série. para incrementar tanto a tracção como a estabilidade em curva. Já o amortecimento pneumático activo, a direção integral e o sistema de travagem desportivo fazem parte da lista de extras.

Quanto às motorizações, serão duas as opções disponíveis no lançamento, ambas com tracção integral. Proposto no mercado nacional desde €89 150, o iX xDrive40 oferece um rendimento combinado de 326 cv e 630 Nm (motor eléctrico dianteiro de 200 cv e 352 Nm, motor eléctrico traseiro de 340 cv e 400 Nm), cumpre os 0-100 km/h em 6,1 segundos e tem a velocidade máxima limitada a 200 km/h, ao passo que a bateria de iões de lítio, com 76,6 kWh de capacidade (71,0 kWh úteis) garante uma autonomia de 425 km segundo a norma WLTP, podendo ser recarregada em menos de 8hoo numa Wallbox trifásica de 11 kW, 16 A e 380 V, ou recuperar 80% da respectiva carga em 31 minutos num posto de carregamento rápido de corrente contínua a 150 kW. O ângulo de ataque é de 18,8°, o de saída de 20,7° e o ventral de 17,5°, para uma altura ao solo de 202 mm, uma passagem a vau de 379 mm e um peso de 2365 kg.

De início, no topo da oferta, estará o iX xDrive50, disponível entre nós a partir de €107 000. Aqui, o rendimento combinado é de 523 cv e 795 Nm (motor eléctrico dianteiro de 372 cv e 352 Nm, motor eléctrico traseiro de 340 cv e 400 Nm), os 0-100 km/h cumprem-se em 4,6 segundos e a velocidade máxima está igualmente limitada a 200 km/h; ao passo que a bateria com 111,5 de capacidade (105,2 kWh úteis) assegura uma autonomia de 630 km, podendo ser recarregada em menos de 11h00 numa Wallbox trifásica de 11 kW, 16 A e 380 V, ou recuperar 80% da respectiva carga em 35 minutos num posto de carregamento rápido de corrente contínua a 200 kW. O ângulo de ataque é de 18,8°, o de saída de 20,8° e o ventral de 17,6°, para uma altura ao solo de 203 mm, uma passagem a vau de 379 mm e um peso de 2510 kg. De sublinhar que, para 2022, está confirmado o lançamento do iX M60, com mais de 600 cv de potência.

Passando ao i4, o primeiro Gran Coupé 100% eléctrico da BMW, é um coupé de quatro portas com 4783 mm de comprimento, 1852 mm de largura, 1448 mm de altura e 2856 mm de distância entre eixos, desenvolvido com um foco muito especial na dinâmica de condução. Começa por impor-se através de um estilo em que se destacam a frente dominada pela imponente grelha de duplo rim de novo desenho, e pelos esguios faróis por LED (por laser em opção), e os vários elementos em azul. Logo desde o lançamento, estarão disponíveis os pacotes M Carbon exterior e vários elementos M Performance.

Já no habitáculo, referência para o sistema iDrive da nova geração, em tudo idêntico ao aplicado no iX, para o ambiente luxuoso e para a inclusão, de série em todas as versões, dos vidros acústicos, dos bancos desportivos, do volante desportivo e do portão traseiro com abertura e fecho eléctricos – dando acesso a uma bagageira cuja capacidade varia entre 470-1,290 litros.

Também no i4, houve especial cuidado dos técnicos da marca bávara em conter o peso sem, com isso, deixar de alcançar uma elevada rigidez estrutural, para o que o modelo dispõe de elementos estruturais específicos, como o painel em alumínio ou o subchâssis dianteiro fixados directamente ao invólucro da bateria. A aerodinâmica optimizada garante um Cx de 0,24; o centro de gravidade é 53 mm mais baixo do que o do Série 3; as suspensões, por triângulos sobrepostos na frente, e multilink de cinco braços atrás, contam com amortecimento pneumático traseiro de série; o sistema anti-patinagem das rodas é de série; e estão disponíveis cerca de quarenta funções de assistência à condução.

O i4 eDrive40, disponível em Portugal desde €60 500, será a versão de acesso à gama, animada por um motor elétrico traseiro de 340 cv e 430 Nm, que lhe permite anunciar 5,7 segundos nos 0-100 km/h e uma velocidade máxima limitada a 190 km/h, sendo a autonomia de 590 km, para um peso de 2050 kg. Pelo seu lado, o mais dotado i4 M50, proposto desde €71 900, conta com tracção integral e um rendimento combinado de 544 cv e 795 Nm (motor dianteiro de 258 cv e traseiro de 316 cv), anunciando 3,9 segundos nos 0-100 km/h, 225 km/h de velocidade máxima, 510 km de autonomia e 2215 kg de peso – sendo ainda específicos desta variante a suspensão adaptativa M, a direcção desportiva variável e o sistema de travagem M Sport.

Comum aos dois modelos é a bateria de iões de lítio com 83,9 kWh de capacidade (80,7 kW úteis), recarregável em menos de 8h00 numa Wallbox trifásica a 11 kW, 16 A e 380 V. Num posto de carregamento rápido a 200 kW, 31 minutos são os suficientes para repor 80% da carga, permitindo os mesmos recuperar, em cerca de 10 minutos, 164 km de autonomia no caso do i4 eDrive40, e 140 km de autonomia no caso do i4 M50.

Qual é a sua reação?
Excelente
0%
Adoro
0%
Gosto
0%
Razoavel
0%
Não gosto
0%
Sobre o autor
António de Sousa Pereira
Absolute Motors é um projecto de informação essencialmente dedicado à área dos motores, com particular foco nos sectores dos automóveis e das motos, mas sem prejuízo de cobrir qualquer outra área de interesse manifesto para os seus leitores.
Comentários
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.