CompararComparando ...

Toyota RAV4 2.5 Hybrid 4×2 Square Collection

Artigo
Toyota RAV4 2.5 Hybrid 4×2 Square Collection

Vis√£o geral
Marca:

Toyota

Modelo:

RAV4

Vers√£o:

2.5 Hybrid 4x2 Square Collection

Ano lançamento:

2019

Segmento:

SUV

N¬ļ Portas:

5

Tracção:

Dianteira

Motor:

2.5 Híbrido

Pot. m√°x. (cv/rpm):

218/5700

Vel. m√°x. (km/h):

180

0-100 km/h (s):

8,4

Consumos (l/100 km):

n.d./5,6/n.d. (Extra-urbano/Combinado/Urbano)

CO2 (g/km):

128

PVP (‚ā¨):

45 396

Gost√°mos

Consumos de refer√™ncia, Equipamento de seguran√ßa, Espa√ßo e mala, Facilidade de utiliza√ß√£o, Desempenho din√Ęmico, Qualidade geral, Presta√ß√Ķes

A rever

Preço, Classe 1 só com Via Verde, Velocidade máxima, Ruído do motor a alto regime

Nosso Rating
Rating Leitor
Para avaliar, registe-se ou inicie sess√£o
Qualidade geral
8.0
Interior
8.0
Segurança
9.0
Motor e presta√ß√Ķes
7.0
Desempenho din√Ęmico
8.0
Consumos e emiss√Ķes
9.0
Conforto
9.0
Equipamento
7.0
Garantias
8.0
Preço
5.0
Se tem pressa...

Um autom√≥vel t√£o completo e equilibrado, que n√£o √© f√°cil apontar-lhe reais defeitos, que n√£o o pre√ßo, mas apenas alguns "pecadilhos". O novo Toyota RAV4 2.5 Hybrid 4x2 Square Collection √©, de facto, um dos SUV mais interessantes da sua categoria, representando a maior evolu√ß√£o que o modelo sofreu entre gera√ß√Ķes ao longo dos seus j√° longos 25 anos de hist√≥ria!

7.8
Nosso Rating
Rating Leitor
You have rated this
Velocidade m√°xima anunciada (km/h) 180
Acelera√ß√Ķes (s)
0-100 km/h 8,5
0-400 m 16,3
0-1000 m 29,6
Recupera√ß√Ķes 60-100 km/h (s)
Em D 4,6
Recupera√ß√Ķes 80-120 km/h (s)
Em D 5,5
Dist√Ęncia de travagem (m)
100-0 km/h 37,6
Consumos (l/100 km)
Estrada (80-100 km/h) 4,9
Auto-estrada (120-140 km/h) 6,4
Cidade 5,5
Média ponderada (*) 5,56
Autonomia média ponderada (km) 989
(60% cidade+20% estrada+20% AE)
Medidas interiores (mm)
Largura à frente 1490
Largura atr√°s 1470
Comprimento à frente 1140
Comprimento atr√°s 770
Altura à frente 1000
Altura atr√°s 1000

J√° com um quarto de s√©culo de carreira, o RAV4 √© anunciado pela Toyota como o SUV mais vendido da hist√≥ria, algo em que n√£o ser√° dif√≠cil acreditar. Actualmente na sua quinta gera√ß√£o, o modelo √© aqui analisado em detalhe na sua vers√£o RAV4 2.5 Hybrid 4×2 Square Collection, aquela em que a marca japonesa mais aposta para ser a preferida do p√ļblico no nosso pa√≠s, animada pela sua nova motoriza√ß√£o h√≠brida (como todas as comercializadas entre n√≥s), combinada com a trac√ß√£o apenas dianteira, e dotada do n√≠vel de equipamento interm√©dio, mas j√° bastante interessante e contando com v√°rios itens oriundos da vers√£o de topo.

Tamb√©m poucas d√ļvidas subsistir√£o que a est√©tica √© um dos principais atributos do novo SUV de m√©dio porte da Toyota, ao ponto de este ser, porventura, o RAV4 mais marcante e bem conseguido neste particular desde a pedrada no charco que foi modelo original, h√° vinte e cinco anos atr√°s, e o que regista maior evolu√ß√£o neste dom√≠nio (e n√£o s√≥, como se comprovar√° mais adiante‚Ķ) entre gera√ß√Ķes desde h√° duas d√©cadas e meia. Com uma apar√™ncia exterior que impressiona, e um ar um tanto futurista, poucos s√£o os que lhe ficam indiferentes, gra√ßas √†s suas linhas angulosas muito felizes ‚Äď havendo mesmo quem aposte, num primeiro olhar, tratar-se de um Lexus, e tamb√©m n√£o faltando quem duvide seja um Toyota, e muito menos um RAV4, proposta sempre conotada com uma imagem mais ‚Äúsuave‚ÄĚ.

Há pouco quem fique indiferente ao apelo estético do novo Toyota RAV4, porventura o mais marcante, neste particular (e não só…) desde o lançamento do modelo original, há já um quarto de século

Há pouco quem fique indiferente ao apelo estético do novo Toyota RAV4, porventura o mais marcante, neste particular (e não só…) desde o lançamento do modelo original, há já um quarto de século

Ao contrário do que acontece com os modelos da divisão de luxo da Toyota, no que ao estilo e decoração diz respeito, o interior não será tão coerente, porque bem menos ousado e original, quanto as formas da carroçaria, mas nem por isso lhe faltam atributos. Desde logo, uma excelente qualidade de construção e uma montagem de nível superior, que se conjugam com materiais, na sua maioria, também de elevada qualidade (aqui e ali, é possível identificar alguns plásticos duros, algo que, nesta versão, é bastante disfarçado pelo revestimento em pele dos bancos e de parte dos painéis interiores das portas) para garantir um bom ambiente a bordo e um envelhecimento condigno, e sem problemas de maior, mormente no que a ruídos parasitas diz respeito, com o passar do tempo.

O que n√£o merece reparos √© a habitabilidade, muito generosa, merecendo destaque especial a altura e o espa√ßo para pernas traseiros, virtude a que n√£o ser√° alheio o substancial aumento da largura exterior e da dist√Ęncia entre eixos face √† gera√ß√£o anterior. Todos os ocupantes usufruem, por isso, de uma ampla liberdade de movimentos, inclusive o que ocupar o lugar central no banco posterior, assim como se in√ļmeros espa√ßos para a arruma√ß√£o de objectos. A bagageira √©, de igual modo, bastante espa√ßosa, e o port√£o traseiro el√©ctrico √© uma comodidade oferecida de s√©rie no RAV4 2.5 Hybrid 4×2 Square Collection, havendo apenas que ter em conta um plano de carga um tanto elevado, mas n√£o excessivamente tendo em conta o g√©nero de ve√≠culo em quest√£o.

Mesmo atrás, a habitabilidade é muito generosa, permitindo, mesmo, transportar três passageiros com conforto e liberdade de movimentos no banco posterior

Mesmo atrás, a habitabilidade é muito generosa, permitindo, mesmo, transportar três passageiros com conforto e liberdade de movimentos no banco posterior

A prop√≥sito de equipamento de s√©rie, √© da mais elementar justi√ßa sublinhar a soberba dota√ß√£o de dispositivos de seguran√ßa, activa e passiva, de que todos os RAV4 disp√Ķem no mercado portugu√™s nesta sua nova gera√ß√£o. Na unidade testada, e para referir apenas os mais significativos, atente-se em solu√ß√Ķes como os sete airbags (incluindo para os joelhos do condutor; o sistema de leitura de sinais de tr√Ęnsito; o sistema de alerta de sa√≠da involunt√°ria da faixa e aux√≠lio √† manuten√ß√£o na mesma; a travagem aut√≥noma de emerg√™ncia com alerta de colis√£o dianteira e detec√ß√£o de pe√Ķes e ciclistas; a¬† monitoriza√ß√£o do √Ęngulo morto; ou o alerta de ve√≠culos pela traseira.

Quanto √† vers√£o Square Collection, e como acima referido, distingue-se por incluir diversos elementos da vers√£o Lounge que ocupa o topo da gama. Especificamente, caixas dos espelhos, protec√ß√Ķes dos guarda-lamas e frisos laterais em preto metalizado; jantes de 18‚ÄĚ pretas; tejadilho Night Sky; e bancos desportivos em pele artificial.

Chegado o tempo de ocupar o melhor lugar a bordo, refer√™ncia para o posto de condu√ß√£o muito correcto, acolhedor e dominante, mas sem ser demasiado elevado, com amplas regula√ß√Ķes do volante e do banco, e uma boa visibilidade para o exterior, para que a esmagadora maioria dos condutores encontre, f√°cil e rapidamente, a melhor postura ao volante -a que se junta uma das melhores ergonomias vistas em modelos Toyota nos √ļltimos anos. O painel de instrumentos com mostrador central digital oferece uma √≥ptima leitura, o sistema de infoentretenimento √© completo, e s√≥ √© pena o computador de bordo, com tantas fun√ß√Ķes que oferece, n√£o contar com uma cumulativa do consumo que n√£o se reinicie automaticamente a cada nova viagem. J√° o monitor do fluxo de energia, com o seu grafismo simples, e t√£o preciso quanto leg√≠vel.

Ergonomia em franco progresso, qualidade geral de nível superior e um generoso equipamento de série, em que se destaca, obrigatoriamente, a extensa dotação de dispositivos de segurança activa e passiva

Ergonomia em franco progresso, qualidade geral de nível superior e um generoso equipamento de série, em que se destaca, obrigatoriamente, a extensa dotação de dispositivos de segurança activa e passiva

Assente numa vers√£o alongada da plataforma modular TNGA estreada no Prius, com centro de gravidade mais baixo e um acr√©scimo de 75% da rigidez, e por isso denominada TNGA-K, o RAV4 2.5 Hybrid monta sob o capot uma motoriza√ß√£o totalmente nova, que tem por base o motor de quatro cilindros e 2487 cc de ciclo Atkinson, com injec√ß√£o directa e indirecta de gasolina, e distribui√ß√£o vari√°vel sobre a admiss√£o (el√©ctrica) e escape, capaz de oferecer 178 cv de pot√™ncia e um bin√°rio m√°ximo de 221 Nm. Com este combina-se uma caixa CVT de varia√ß√£o cont√≠nua, um motor el√©ctrico mais leve que o anterior, e que oferece 120 cv e 202 Nm, e uma bateria de NiMH mais leve e compacta, com 1 kWh de pot√™ncia ‚Äď tudo isto para um rendimento combinado de 218 cv.

Uma vez em marcha, s√£o de imediato not√≥rias as melhorias n√£o s√≥ em termos de rendimento, patentes nas boas presta√ß√Ķes alcan√ßadas (lamentando-se, apenas, a modesta velocidade m√°xima, por compara√ß√£o com modelos convencionais de pot√™ncia equivalente), mas tamb√©m de suavidade de funcionamento e prontid√£o de resposta, j√° n√£o sendo t√£o necess√°rio, como na gera√ß√£o anterior, que o motor t√©rmico opere durante tanto tempo no seu limite m√°ximo de funcionamento para que seja poss√≠vel rolar a ritmos deveras interessantes. Ainda assim, quando se adopta uma condu√ß√£o mais intensa, em que o curso do pedal da direita esteja mais tempo esgotado, h√° que ter em conta que a caixa CVT leva sempre o motor para a red line, passando a fazer-se sentir no habit√°culo o seu ru√≠do de funcionamento algo esfor√ßado at√© que a press√£o sobre o acelerador diminua, o que acaba por deteriorar o bom ambiente a bordo, e s√≥ n√£o √© mais gravoso devido ao bom trabalho realizado mo isolamento ac√ļstico do habit√°culo.

A nova motoriza√ß√£o h√≠brida, extremamente optimizada no sentido da efici√™ncia, ao mesmo tempo que oferece soberbos consumos, tamb√©m n√£o desilude em termos de presta√ß√Ķes. Pena a modesta velocidade m√°xima

A nova motoriza√ß√£o h√≠brida, extremamente optimizada no sentido da efici√™ncia, ao mesmo tempo que oferece soberbos consumos, tamb√©m n√£o desilude em termos de presta√ß√Ķes. Pena a modesta velocidade m√°xima

Ao condutor s√£o oferecidos os modos de condu√ß√£o Eco, Normal e Sport, que, basicamente, alteram a rapidez de resposta ao acelerador, particularmente sens√≠vel quando a carga sobre o acelerador √© mais reduzida, e os modos Normal e Sport da transmiss√£o, com este √ļltimo a garantir maior resist√™ncia em desacelera√ß√£o ‚Äď podendo a caixa ser, ainda, comandada manualmente em sequ√™ncia, atrav√©s da alavanca, j√° que n√£o existem para o efeito patilhas no volante. Na pr√°tica, a disponibilidade e o fulgor do grupo moto propulsor s√£o mais do que suficientes para garantir uma utiliza√ß√£o f√°cil e despreocupada em todas as circunst√Ęncias, e at√© quando se for√ßa o ritmo a acelera√ß√£o √© franca e praticamente constante at√© aos 189 km/h indicados no veloc√≠metro, correspondentes aos tais 180 km/h reais que a definiu como limite neste cap√≠tulo.

Dispon√≠vel est√°, tamb√©m, o habitual bot√£o EV, destinado a ‚Äúfor√ßar‚ÄĚ o modo totalmente el√©ctrico, no qual, com uma carga completa de bateria, ser√° poss√≠vel, dispensando mil cuidados ao p√© direito, e caso o relevo ajude (se assim n√£o for, o motor de combust√£o entra imediatamente em ac√ß√£o), cumprir um par de quil√≥metros, e pouco mais. Mas esse tamb√©m n√£o √© o fito da vertente el√©ctrica nas extremamente optimizadas motoriza√ß√£o h√≠bridas da Toyota, antes contribuir para que o motor t√©rmico possa passar tanto tempo quanto poss√≠vel desligado e, assim, alcan√ßarem-se consumos de refer√™ncia.

Neste dom√≠nio, miss√£o cumprida. Adoptando-se uma condu√ß√£o moderada e ponderada, mas sem restri√ß√Ķes de maior, os registos obtidos s√£o soberbos, tanto em estrada e auto-estrada como em cidade, t√£o bons ou melhores do que os oferecidos pelo ‚Äúprimo‚ÄĚ afastado Lexus UX 250h, com quase menos 30 cv de pot√™ncia e um peso inferior em mais de 200 kg, significando a m√©dia real de 5,6 l/100 km por n√≥s alcan√ßada que um dep√≥sito de combust√≠vel dar√° para percorrer quase um milhar de quil√≥metros. Mesmo quando a despreocupa√ß√£o √© total, e se abusa mais do acelerador, as m√©dias tendem a rondar os 7,0 l/100 km, o que √© not√°vel; e at√© a ritmos realmente intensos, quando se tira pleno partido de todas as capacidades do motor, o esmagar do acelerador √© uma constante, os valores n√£o v√£o muito al√©m dos 12,0 l/100 km, o que n√£o deixa de impressionar num autom√≥vel com 218 cv de pot√™ncia e 1750 kg de peso.

O desempenho din√Ęmico do novo Toyota RAV4 √© merecedor dos maiores elogios, conjugando efic√°cia, facilidade de condu√ß√£o e um extremo conforto de forma particularmente invulgar e feliz

O desempenho din√Ęmico do novo Toyota RAV4 √© merecedor dos maiores elogios, conjugando efic√°cia, facilidade de condu√ß√£o e um extremo conforto de forma particularmente invulgar e feliz

Com vias mais largas, suspens√£o traseiros por tri√Ęngulos sobrepostos e uma altura ao solo de 190 mm, o novo RAV4 2.5 Hybrid tamb√©m brilha no cap√≠tulo do desempenho din√Ęmico, ainda que, apesar do ar robusto, as suas limita√ß√Ķes no fora de estrada sejam as naturalmente decorrentes de um trac√ß√£o dianteira equipado com pneus estradistas ‚Äď quem pretenda maiores aptid√Ķes nesta mat√©ria, dever√° optar pela vers√£o de trac√ß√£o integral, naturalmente mais dispendiosa‚Ķ J√° sobre o asfalto, o comportamento √© muito bom, inclusive a ritmos realmente acelerados, gra√ßas √† forma como o modelo lida devidamente com as transfer√™ncias de massa mais exigentes, beneficiando, ainda, de uma frente r√°pida e precisa, de uma direc√ß√£o devidamente assistida e informativa, e mesmo de uma agilidade superior ao esperado, ligeiramente incrementada quando se desactiva por completo o controlo electr√≥nico de estabilidade, embora, a√≠, nos limites, os pneus j√° denotem alguma dificuldade em colocar no ch√£o toda a pot√™ncia dispon√≠vel, especialmente em mau piso. O que n√£o depende da qualidade do piso √© o n√≠vel de conforto de marcha oferecido, sempre bastante elevado, mesmo sobre asfalta mais degradado, ou mesmo caminhos de terra.

Resumindo, o novo RAV4 2.5 Hybrid 4×2 Square Collection √©, efectivamente, um SUV extremamente f√°cil e agrad√°vel de conduzir em quase todas as circunst√Ęncias, mesmo a ritmos mais intensos, exibindo uma compet√™ncia din√Ęmica n√£o s√≥ desconhecida de qualquer dos seus antecessores, como superior √† da maioria dos seus concorrentes, e com i trunfo de rapidamente fazer esquecer generosas dimens√Ķes exteriores. Os consumos deveras contidos, traduzidos numa economia de utiliza√ß√£o referencial, s√£o outro dos seus argumentos de peso, tudo resultando numa proposta t√£o equilibrada que √© dif√≠cil apontar-lhe verdadeiros defeitos. A n√£o ser um pre√ßo que n√£o √© dos mais simp√°ticos e acess√≠veis, bem pelo contr√°rio, e que o generoso equipamento de s√©rie generoso, mas n√£o isento de algumas lacunas, decerto n√£o justifica. Nota final: pagar Classe 1 nas portagens portuguesas com o novo Toyota RAV4 s√≥ com Via Verde.

Motor de combust√£o
Tipo 4 cil. linha, transv., diant.
Cilindrada (cc) 2487
Di√Ęmetro x curso (mm) 87,5√ó103,48
Taxa de compress√£o 14,0:1
Distribuição 2 v.e.c./16 válvulas
Potência máxima (cv/rpm) 178/5700
Bin√°rio m√°ximo (Nm/rpm) 221/3600-5200
Motor eléctrico
Tipo Síncrono de íman permanente
Potência máxima (cv/rpm) 120/n.d.
Bin√°rio m√°ximo (Nm/rpm) 202/0
Bateria Ni-MH
Rendimento combinado
Potência máxima combinada (cv/rpm) 218/n.d.
Dimens√Ķes exteriores
Comprimento/largura/altura (mm) 4600/1855/1685
Dist√Ęncia entre eixos (mm) 2690
Largura de vias fte/tr√°s (mm) 1610/1640
Jantes ‚Äď pneus 7 1/2Jx18‚Ä≥ ‚Äď 225/60 (Bridgestone Alenza H/L 33)
Pesos e capacidades
Peso (kg) 1750
Relação peso/potência (kg/cv) 8,02
Capacidade da mala/depósito (l) 580-733-1690/55
Transmiss√£o
Tracção dianteira
Caixa de velocidades CVT de variação contínua+m.a.
Direcção
Tipo cremalheira com assistência electrohidráulica
Di√Ęmetro de viragem (m) 10,4
Trav√Ķes
Dianteiros (√ł mm) Discos ventilados (n.d.)
Traseiros (√ł mm) Discos ventilados (n.d.)
Suspens√Ķes
Dianteira McPherson
Traseira Tri√Ęngulos sobrepostos
Barra estabilizadora frente/tr√°s sim/sim
Garantias
Garantia geral 7 anos ou 160 000 km (10 anos para o sistema híbrido)
Garantia de pintura 3 anos
Garantia anti-corros√£o 12 anos
Intervalos entre manuten√ß√Ķes 30 000 km, com mudan√ßa de √≥leo a cada 15 000 km

Airbag para condutor e passageiro (deslig√°vel)
Airbags laterais
Airbags de cortina
Airbag para os joelhos do condutor
Cintos dianteiros/traseiros com pré-tensores+limitadores de esforço
Fixa√ß√Ķes Isofix
Controlo electrónico de estabilidade
Sistema de leitura de sinais de tr√Ęnsito
Alerta de saída involuntária da faixa de rodagem
Sistema de auxílio à manutenção na faixa de rodagem
Sistema de travagem aut√≥noma de emerg√™ncia com alerta de colis√£o dianteira e detec√ß√£o de pe√Ķes+ciclistas
Sistema de monitoriza√ß√£o do √Ęngulo morto
Assistente aos arranques em subidas
Alerta de veículos pela traseira
Travão de estacionamento eléctrico com função Hold
Ar condicionado autom√°tico
Computador de bordo
Banco do condutor com regulação eléctrica
Bancos dianteiros desportivos em pele sintética+aquecidos
Banco traseiro rebatível 60/40
Volante multifun√ß√Ķes em pele regul√°vel em altura+profundidade
Soleiras das portas em alumínio
Direcção de assistência eléctrica
Mãos-livres Bluetooth (telemóvel+streaming de áudio)
Sistema de som com 6 altifalantes+ecr√£ de 8"+tomadas USB
Acesso+arranque sem chave
Vidros eléctricos FT/TR
Vidros traseiros escurecidos
Retrovisores exteriores eléctricos+aquecidos+rebatíveis electricamente
Retrovisor interior electrocrom√°tico
Tejadilho Night Sky
Cruise-control adaptativo+limitador de velocidade
Faróis dianteiros+farolins traseiros por LED
Faróis de nevoeiro
Assistente de m√°ximos
Sensor de luz/chuva
Sensores de estacionamentoFR/TR+c√Ęmara de estacionamento traseira
Portão traseiro eléctrico
Barras de tejadilho
Jantes de liga leve de 18"
Sistema de monitorização da pressão dos pneus
Roda suplente de emergência

Qual é a sua reação?
Excelente
0%
Adoro
0%
Gosto
0%
Razoavel
0%
N√£o gosto
0%
Sobre o autor
António de Sousa Pereira
Absolute Motors é um projecto de informação essencialmente dedicado à área dos motores, com particular foco nos sectores dos automóveis e das motos, mas sem prejuízo de cobrir qualquer outra área de interesse manifesto para os seus leitores.
Coment√°rios
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

8 − 6 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como s√£o processados os dados dos coment√°rios.