0
Posted Março 1, 2016 by António de Sousa Pereira in |Notícias
 
 

Maserati Levante finalmente desvendado

Apesar do aparecimento prematuro de algumas imagens na Internet, só hoje, no Salão de Genebra,  a Maserati  apresentou oficialmente o primeiro SUV da sua história, e deu a conhecer as principais características técnicas do Levante. Na mais recente criação da marca do Tridente, a plataforma é a do Ghibli e do Quattroporte, mas suficientemente alterada para garantir ao modelo um baixo peso (perfeitamente repartido pelos dois eixos, numa proporção 50:50), um desempenho fora de estrada invulgar e um comportamento de referência sobre o asfalto – merecendo aqui destaque a suspensão em alumínio, com amortecedores Skyhook de controlo electrónico e molas pneumáticas (garantem cinco níveis distinto de altura ao solo), o sistema de vectorização de binário e o sistema de tracção integral Q4, todos propostos de série em qualquer das versões do Levante.

Para confirmar o seu potencial dinâmico, o Levante anuncia, igualmente, o centro de gravidade e o Cx (0,31) mais baixos do seu segmento, e faz uso de uma gama de motores exclusivamente composta por unidades de seis cilindros em V, sobrealimentadas e com 3,0 litros de capacidade, todas combinadas com a (re)conhecida caixa automática ZF de oito velocidades. A oferta a gasolina é composta pelo 3.0-V6 biturbo de injecção directa, nas suas versões de 430 cv (5,2 segundos nos 0-100 km/h; 264 km/h de velocidade máxima) e de 350 cv (6,0 segundos nos 0-100 km/h; 251 km/h de velocidade máxima), assentando a opção Diesel no conhecido 3.0-V6 com injecção common-rail, capaz de debitar 275 cv (6,9 segundos nos 0-100 km/h; 230 km/h de velocidade máxima; consumo combinado de 7,2 l/100 km).

No interior, para além da generosa habitabilidade, e de um luxo e requinte garantidos por materiais da melhor qualidade, e por um rigor construtivo a condizer, a Maserati dá destaque a um generoso equipamento de série, onde se incluem já elementos como o revestimento em pele do habitáculo; o novo interface do sistema de infoentretenimento, com ecrã táctil de 8,4″ e um novo comando rotativo; cruise-control adaptativo com função stop&go; alerta de colisão dianteira; assistente às travagens de emergência; alerta de saída da faixa de rodagem; e câmara de visão panorâmica. Outro factor a ter conta, a disponibilização, logo desde o lançamento do modelo, previsto para o próximo Outono, de dois packs de equipamento capazes de ajustar significativamente o carácter do modelo ao desejos do seu condutor, segundos duas vertentes específicas: Sport e Luxury


António de Sousa Pereira