CompararComparando ...

BMW com 37 novos mild hybrid e duas novas versões para o Série 2

Artigo
BMW com 37 novos mild hybrid e duas novas versões para o Série 2

Verão intenso para a BMW, que, entre Julho e Agosto próximos, vai lançar no mercado, além do novo Série 5 (saiba mais aqui), do novo X2 xDrive 25e (saiba mais aqui) e do renovado Série 6 Gran Turismo (saiba mais aqui), inúmeras actualizações de gama – incluindo 37 novas versões mild hybrid, duas novas versões para o Série 2 Gran Coupé e uma nova geração do reputado motor turbodiesel de seis cilindros em linha e 3,0 litros. A que se juntam um reforço do equipamento de série para vários modelos, a disponibilização de novos opcionais e a introdução de novas soluções tecnológicas.

Começando pela vertente mais “ambientalista” desta chuva de novidades, menção para as 37 novas versões mild hybrid, com alternador/motor de arranque integrados, bateria adicional e sistema eléctrico de 48 Volt. Uma solução capaz não só de recuperar a energia de travagem e em desaceleração, como de fornecer uma potência adicional de 11 cv, no início das acelerações, ao motor térmico com que é conjugada, e que passa, deste modo, a ser aplicada em nada menos do que 51 modelos do construtor bávaro.

Esta é uma tecnologia que será combinada também com a mais recente geração do motor 3.0 turbodiesel de seis cilindros em linha, integralmente construído em alumínio, e agora dotado de um sistema de sobrealimentação melhorado, assim como da nova evolução do sistema de injecção common-rail, com injectores piezoeléctricos e uma pressão máxima de 2700 bar. Quando aplicada nos 730d, 730d xDrive, 730 Ld xDrive, X3 xDrive30d, X5 xDrive30d e X6 xDrive30d, esta unidade ganha 21 cv e 30 Nm face à sua antecessora, passando a disponibilizar 286 cv de potência máxima, e um binário de 650 Nm, constante entre as 1500-2500 rpm; já na derivação instalada nos 740d xDrive, 740Ld xDrive, X3 M40d, X4 M40d e X7 xDrive 40d, o seu rendimento é de 340 cv e 700 Nm.

Já para o Série 2 Gran Coupé está marcada para Junho a introdução de dois novos motores, um deles conjugado com tracção integral. O acesso à oferta Diesel para a ser feito através do 218d Gran Coupé, que recebe a nova evolução do motor de quatro cilindros em linha e 2,0 litros, com sobrealimentação de duplo estágio e sistema common-rail com injectores com válvulas de solenóide, para uma potência de 150 cv e um binário máximo de 350 Nm constante entre as 1750-2500 rpm (anuncia 8,6 segundos nos 0-100 km/h quando equipada com caixa manual de seis velocidades, e 8,5 segundos quando dotado da caixa automática Steptronic de oito relações. Ao mesmo tempo, a gama acolhe o novo
220d xDrive Gran Coupé, com motor 2.0 turbodiesel de 190 cv e 400 Nm, exclusivamente combinado com o sistema de tracção integral xDrive e caixa Setptronic de oito velocidades, prometendo ser capaz de cumprir os 0-100 km/h em 7,3 segundos.

Por seu turno, a maioria dos modelos híbridos plug-in da casa de Munique passa a oferecer uma nova função que seleciona automaticamente o modo de funcionamento totalmente eléctrico em zonas urbanas definidas como de baixas emissões. No Série 3, a partir de Julho, além do reforço do equipamento de série, e a disponibilização de novos opcionais, será introduzido um novo sistema operativo, ao passo que a direcção activa às quatro rodas será uma opção disponível nos Série 7 e Série 8.

Qual é a sua reação?
Excelente
100%
Adoro
0%
Gosto
0%
Razoavel
0%
Não gosto
0%
Sobre o autor
António de Sousa Pereira
Absolute Motors é um projecto de informação essencialmente dedicado à área dos motores, com particular foco nos sectores dos automóveis e das motos, mas sem prejuízo de cobrir qualquer outra área de interesse manifesto para os seus leitores.
Comentários
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

11 + 10 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.