CompararComparando ...

Devemos Usar C√Ęmaras a bordo?

Artigo
Devemos Usar C√Ęmaras a bordo?

O que s√£o as c√Ęmaras a bordo? Uma C√Ęmara a Bord, Blackbox ou DashCam √© um equipamento especialmente desenvolvido para ser montado no interior do ve√≠culo, tipicamente no para-brisas, atrav√©s de um suporte fixo atrav√©s de fita adesiva. A utiliza√ß√£o de c√Ęmaras a bordo tem sido popularizada em canais de v√≠deo e em redes sociais, em que s√£o registados milhares de v√≠deos de sinistros rodovi√°rios, situa√ß√Ķes onde grandes colis√Ķes s√£o evitadas por ‚Äúsorte‚ÄĚ, e at√© de meteoritos que entram pela atmosfera terrestre.

As c√Ęmaras a bordo foram desenvolvidas na Rep√ļblica da Coreia, onde os condutores as utilizam h√° mais de uma d√©cada. Hoje, cerca de 85% dos ve√≠culos na Rep√ļblica da Coreia est√£o equipados com este tipo de sistemas. Foram desenvolvidas para fornecer aos condutores prote√ß√£o em caso de algum incidente ou sinistro rodovi√°rio e contra situa√ß√Ķes de fraude. Esquemas fraudulentos, conhecidos por ‚ÄúCrash for Cash‚ÄĚ (veja o link) ou ‚ÄúFlash for Cash‚ÄĚ, s√£o cada vez mais utilizados para extorquir dinheiro a condutores incautos, que receosos dos aumentos nos seus pr√©mios de seguro, entregam a quantia solicitada pelo provocador de um falso sinistro ou v√™em-se responsabilizados pelas suas seguradoras

Muitos condutores entregam consider√°veis quantias a estes ‚Äúespecialistas‚ÄĚ da fraude. As c√Ęmaras a bordo podem funcionar como prova inequ√≠voca das condi√ß√Ķes de um sinistro, sendo o v√≠deo a melhor testemunha para provar o que realmente ocorreu. N√£o pense que o caso n√£o √© s√©rio: s√≥ no Reino Unido estima-se que este tipo de fraude represente cerca de 400 milh√Ķes de libras por ano, existem campanhas informativas, n√ļmeros telef√≥nicos para a den√ļncia de esquemas fraudulentos e publica√ß√£o dos locais mais prov√°veis onde se tornar uma v√≠tima (veja o link).

As c√Ęmaras a bordo permitem aos condutores circularem na estrada com maior seguran√ßa e prote√ß√£o, pois gravam em cont√≠nuo (sendo os v√≠deos separados em alguns minutos: um, tr√™s ou cinco) o ambiente envolvente ao ve√≠culo – dependendo da capacidade do cart√£o de mem√≥ria SD e das op√ß√Ķes do equipamento, podem ser gravadas desde tr√™s a nove, ou mesmo mais, horas de v√≠deo, antes dos antigos come√ßarem a ser apagados, dando lugar aos mais recentes. Em termos de pre√ßos, h√°-os para todos os gostos, desde vinte ou trinta euros at√© valores acima dos quinhentos euros, sendo as suas caracter√≠sticas e capacidades obviamente distintas.

Os primeiros tipos de c√Ęmaras a bordo eram apenas constitu√≠dos por uma c√Ęmara frontal, mas muitos condutores sentiam que precisavam de outra c√Ęmara voltada para tr√°s e montavam dois equipamentos, sendo que os equipamentos mais comuns, hoje em dia, s√£o os sistemas duplos, sendo uma c√Ęmara montada para a frente e outra para tr√°s (podendo a c√Ęmara traseira ser utilizada como c√Ęmara de estacionamento, o que acaba por ser muito √ļtil, por sinal), com sincronismo autom√°tico. Existem ainda alguns sistemas com quatro c√Ęmaras instaladas, de modo a cobrir todos os √Ęngulos do ve√≠culo, muitas vezes instalados em ve√≠culos pesados de mercadorias e autocarros.

As c√Ęmaras a bordo (que considero como tal) possuem um sistema GPS (integrado ou como acess√≥rio) que fornece informa√ß√Ķes sobre a velocidade, altitude e as coordenadas de localiza√ß√£o do ve√≠culo. Possuem ainda um aceler√≥metro de tr√™s eixos (3D), registando as acelera√ß√Ķes longitudinal, lateral e vertical do ve√≠culo. Os v√≠deos e toda a informa√ß√£o podem ser verificados na pr√≥pria c√Ęmara ou em aplica√ß√Ķes para smartphone, ou mais tarde, em software pr√≥prio no computador, em que a informa√ß√£o √© sobreposta em mapas como os do Google Maps ou outros.

Devem ter ainda a possibilidade de funcionamento em modo Estacionamento (ou modo Parque),l em que o detetor de movimento √© fundamental para poupar a bateria do ve√≠culo. Normalmente, a alimenta√ß√£o √© feita atrav√©s da ficha de isqueiro do ve√≠culo, mas pode (e deve) ser instalado um pequeno dispositivo que permite a liga√ß√£o √† caixa de fus√≠veis interna do ve√≠culo, evitando assim a √≠nfima possibilidade de descarregamento da bateria do ve√≠culo e tornando a montagem mais discreta. A grava√ß√£o do som envolvente permite completar a informa√ß√£o registada em v√≠deo, provando por exemplo, se indic√°mos a mudan√ßa de dire√ß√£o, ou seja, se fizemos “pisca” ou n√£o. Normalmente, os nossos ve√≠culos fazem um “TIC-TIC” quando o pisca √© acionado.

E como funcionam as c√Ęmaras a bordo? Utilizar uma c√Ęmara a bordo n√£o requer quaisquer conhecimentos t√©cnicos. Em geral, existem quatro componentes principais que v√™m com o equipamento: a c√Ęmara (ou c√Ęmaras), o cart√£o de mem√≥ria, os cabos de liga√ß√£o e de alimenta√ß√£o e o suporte. Basicamente, coloque o cart√£o de mem√≥ria na c√Ęmara, monte a c√Ęmara no suporte, retire a prote√ß√£o da fita adesiva e, em seguida, cole o suporte ao para-brisas. Ligue o cabo de alimenta√ß√£o da c√Ęmara √† tomada de isqueiro ou outra ficha de 12 Volt.

A partir daqui, n√£o precisa de se preocupar mais, entra no carro e conduz normalmente, sabendo que poder√° sempre provar o que se passou em seu redor. Quando o ve√≠culo est√° ativo e em movimento, a c√Ęmara grava tudo o que conseguir captar para o cart√£o de mem√≥ria. Este processo de grava√ß√£o √© autom√°tico, sendo iniciado e desligado com a igni√ß√£o do ve√≠culo. Se o equipamento tiver modo de estacionamento, continuar√° a gravar.

A maioria dos sistemas grava v√≠deos incrementais de um, tr√™s ou cinco minutos, permitindo o r√°pido acesso de reprodu√ß√£o √† situa√ß√£o que ter√° interesse para o condutor. Quando o cart√£o estiver cheio, a grava√ß√£o c√≠clica come√ßar√° a apagar os ficheiros mais antigos, substituindo-os pelos novos. Algumas c√Ęmaras a bordo permitem uma gest√£o diferente, sendo poss√≠vel guardar todos os v√≠deos marcados como Evento (despoletados pelo aceler√≥metro) em detrimento dos v√≠deos Normais ou de Estacionamento.

Quando precisar de visualizar algum v√≠deo, pode faz√™-lo diretamente na c√Ęmara a bordo, se esta tiver um ecr√£ LCD. A maioria nem tem, mas pode ligar o telem√≥vel em rede wi-fi com a c√Ęmara e transferir os v√≠deos com interesse, ou ent√£o retirar o cart√£o de mem√≥ria, e inseri-lo no seu computador (existe software traduzido para portugu√™s – veja o link) ou no telem√≥vel. Algumas c√Ęmaras mais recentes permitem o envio dos v√≠deos para um servidor (over the cloud).

Quem deve usar as c√Ęmaras a bordo? Todos‚Ķ H√° anos que v√°rias for√ßas policiais utilizam sistemas de v√≠deo para captar e registar esses v√≠deos como meio probat√≥rio em tribunal. Outras entidades, como os bombeiros, as viaturas de emerg√™ncia e os transportes p√ļblicos, tamb√©m t√™m usado essas c√Ęmaras por uma variedade de raz√Ķes, mas sempre para fazer prova de alguma situa√ß√£o, dif√≠cil de provar de outra forma.

Mais recentemente, os condutores comuns, as fam√≠lias e v√°rias empresas come√ßaram a utilizar as c√Ęmaras a bordo para proteger os seus bens, gerir a log√≠stica do neg√≥cio, controlar a frota de ve√≠culos e contestar qualquer lit√≠gio com as companhias seguradoras ou em a√ß√Ķes de responsabilidade criminal ou c√≠vel. Eu pr√≥prio, como investigador de sinistros rodovi√°rios, j√° utilizei imagens de videovigil√Ęncia (n√£o de c√Ęmaras a bordo) em processos judiciais, e j√° usei v√≠deos de c√Ęmaras a bordo para ajudar a caracterizar alguns locais onde estud√°mos colis√Ķes grav√≠ssimas.

Para empresas com frotas de ve√≠culos, as c√Ęmaras a bordo induzem melhorias no comportamento dos condutores, tendo como resultado direto a redu√ß√£o dos custos em combust√≠vel, do desgaste dos ve√≠culos e de ocorr√™ncia de sinistros. As frotas de ve√≠culos s√£o bons candidatos a este tipo de prote√ß√£o, dadas as elevadas quilometragens percorridas anualmente, com maior risco de sinistro ou fraude.

Em qualquer sinistro rodovi√°rio, existe o risco de terceiros interpretarem incorretamente ou deliberadamente distorcerem a realidade do que se passou, o que pode ser facilmente contrariado se possuirmos o v√≠deo do sinistro. A prova de v√≠deo pode ajudar a sua seguradora a processar o seu pedido de forma mais eficiente e impedir um impasse entre a sua seguradora e a do outro condutor. Os condutores em geral, especialmente os jovens que t√™m pr√©mios de seguro mais altos, poder√£o beneficiar financeiramente atrav√©s da redu√ß√£o dos seus pr√©mios, devido √† utiliza√ß√£o destes sistemas. No Reino Unido, existem v√°rias companhias seguradoras que reduzem os pr√©mios e at√© comparticipam a aquisi√ß√£o das c√Ęmaras a bordo dos seus segurados.

Portanto, cidad√£os, condutores profissionais de ve√≠culos de mercadorias e de passageiros, taxistas, condutores da Uber e similares, condutores de carrinhas de crian√ßas e condutores de ve√≠culos de emerg√™ncia, pol√≠cias‚Ķ Enfim: todos deviam equipar os ve√≠culos com c√Ęmaras a bordo.

E os benef√≠cios das c√Ęmaras a bordo? Al√©m do exposto, h√° outras raz√Ķes para a utiliza√ß√£o de c√Ęmaras a bordo, que fornecem provas irrefut√°veis em v√≠deo quando ocorre algo errado, por exemplo, contesta√ß√Ķes de sinistros e fraudes de seguros. H√° um vasto n√ļmero de acontecimentos surpreendentes e interessantes que ocorrem diariamente nas estradas, e √© evidente que cada vez mais ve√≠culos est√£o a ser equipados com c√Ęmaras, sendo que os seus condutores podem beneficiar de:
Рgravação automática e contínua em vídeo e áudio de eventos
Рevidência de colisão de veículo e qualquer transgressão
Рfornecimento de provas irrefutáveis de vídeo à polícia, às companhias de seguros e aos Tribunais
Рsegurança e mecanismo de proteção contra condutores imprudentes
Рpromoção da segurança rodoviária, podendo contribuir para a redução do trauma na estrada
Рanálise da velocidade, hora, data e o local em que o condutor usou o veículo
– vigil√Ęncia atrav√©s da dete√ß√£o de movimento ou do modo de estacionamento quando se encontra longe do ve√≠culo
_ manutenção efetiva e eficiente de frotas de veículos
– prova em qualquer atividade rodovi√°ria (acidente, sinistro, roubo, atividade dos pe√Ķes‚Ķ)

Por tudo isto, √© claro que devemos usar c√Ęmaras a bordo, DashCams ou como lhes queiram chamar.

Ricardo Portal
Investigador de Sinistros ‚Äď icollision

Qual é a sua reação?
Excelente
0%
Adoro
0%
Gosto
0%
Razoavel
0%
N√£o gosto
0%
Sobre o autor
António de Sousa Pereira
Absolute Motors é um projecto de informação essencialmente dedicado à área dos motores, com particular foco nos sectores dos automóveis e das motos, mas sem prejuízo de cobrir qualquer outra área de interesse manifesto para os seus leitores.
Coment√°rios
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

14 − 5 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como s√£o processados os dados dos coment√°rios.